Home > Notícias

31 de Janeiro: Lua Azul, Super Lua e Lua de Sangue

Nesta quarta-feira (31), veremos no céu a rara combinação de 4 grandes eventos! Lua Azul, Super Lua, Lua de Sangue e Eclipse Lunar! Conheça um pouco mais sobre estes fenômenos Astronômicos e astrológicos!

Lua Azul

Não, a lua não muda de cor! Este é o nome dado ao fenômeno de duas Luas Cheias no mesmo mês. Isto acontece devido à diferença de como contamos o tempo: O calendário lunar dura 29,5 dias, enquanto o calendário gregoriano (o que usamos) tem 30 a 31 dias. 
Graças a esta diferença, de tempos em tempos podemos ter duas Luas cheias no mesmo mês.

Super Lua

Este é o momento em que o diâmetro lunar pode aumentar até 14%, e seu brilho  cerca de 30%. mas calma, vamos ser verdadeiros! O aumento não acontece de uma noite para outra. Isto vem acontecendo gradualmente ao longo das últimas semanas, e agora será atingido o ápice da proximidade da Lua em relação à Terra - Fato chamado perigeu.

Para observar a Super Lua e os outros fenômenos, não é preciso usar nenhum instrumento especial! Vá para um espaço aberto, longe da iluminação da cidade e com ampla visão do céu.

Lua de Sangue

Durante um Eclipse Lunar, a posição da Lua e a da Terra se alinham de forma que o nosso planeta fica exatamente entre a Lua e o Sol. Quando isso acontece, a Lua perde um pouco a sua aparência branca e brilhante e ganha um tom avermelhado, e por isso ganha o apelido Lua de Sangue. Nome dramático, né?

Eclipse Lunar

Um Eclipse Lunar ocorre quando a Lua passa pela sombra da Terra, projetada pelo Sol - fenômeno que não ocorre rodos os meses, já que a órbita da Lua está inclinada com relação à órbita Terra-Sol (eclíptica).
Infelizmente, o Eclipse Lunar deste dia 31/01 não será visto no Brasil. Mas, em 27 de julho deste ano, teremos outro que será visível!